sexta-feira, 22 de abril de 2016

"Poesia do Brasil" - Manuel Bandeira (1963)

Seleção e estudos da melhor poesia Brasileira de todos os tempos organizada por Manuel Bandeira, com a colaboração de José Guilherme Merquior na fase moderna, e editada em Setembro de 1963 pela simpática "Editora do Autor" de Rubem Braga e Fernando Sabino.

Destaque para a interessante "Nota Antipática", de José guilherme Merquior, explicando sua contribuição na fase moderna e os motivos da mesma ter ido de 1922 até João Cabral de Melo Neto.

Custodiados em minha coleção eu tenho uma brochura original em excelente estado, aqui documentada, e um segundo exemplar encadernado com as capas originais e dedicado para a jornalista e escritora Gilda Chataignier, que a época da dedicatória era editora de moda do Jornal do Brasil e responsável por seu  "Caderno de Moda".













quinta-feira, 7 de abril de 2016

"Andorinha, Andorinha" - Exemplar com dedicatória especial - Manuel Bandeira (1966)

"Andorinha Andorinha" foi mais uma homenagem da Livraria José Olympio Editora para os 80 anos de Manuel Bandeira. Reunião de textos inéditos em livro com seleção e coordenação de Carlos Drummond de Andrade. Título faz menção ao poema "Andorinha". Obra apresenta nota da editora pelo octogésimo aniversário do grande poeta e um desenho (bico de pena) do ilustrador Luis Jardim, datado de 1962.

O título já havia sido apresentado aqui no Blog, em "postagem" anterior, mas a dedicatória deste exemplar justificou sua adição a minha coleção. Manuel Bandeira autografou e dedicou o exemplar para o dramaturgo, jornalista e editor Henrique Pongetti e sua esposa Aida. 

Dedicatória de Manuel Bandeira para
Henrique Pongetti.

Folha de rosto.


Obra fez parte das comemorações na
passagem dos 80 anos do poeta.

Desenho de Luís Jardim em bico de pena.


Ariesphinx é presença constante na obra de
Manuel Bandeira.

Detalhe tipográfico.



domingo, 3 de abril de 2016

"A Paixão Medida" - Exemplar com dedicatória - C.D.A. (1980)

Primeira edição comercial do título, que havia sido editado anteriormente, na forma de edição de arte pela Edições Alumbramento, com tiragem limitada a 643 exemplares, composta por cadernos soltos acondicionados em capa cartonada, com desenhos de Emeric Marcier. Esta edição da Livraria José Olympio Editora é a primeira no formato livro, com desenhos de Trimano e adição de 6 poemas novos que não faziam parte da edição artística anterior.

Livro anteriormente lançado no Blog, mas justifico esta nova "postagem" pela adição de dois exemplares com simpáticas dedicatórias de Carlos Drummond de Andrade. Uma, cheia de humor, para Márcia de Almeida "Que não pode esperar a fila" e outra para o casal Cecília Jucá e Gastão de Holanda, que juntos editaram, nos anos 70, a revista literária "José". Gastão foi também um dos comandantes da gráfica editora de arte "O Gráfico Amador" de Recife, que editou Drummond ("Ciclo"-1957).



Capa da primeira edição comercial.

Dedicatória para Márcia de Almeida "Que
não pode esperar a fila", em 05/11/1980.

Detalhe da assinatura.
Dedicatória de Drummond:
"A Cecília e Gastão, donos do meu bem-querer,
o abraço carinhoso do Carlos. Rio, XI, 80"

Ilustrações de Trimano.



Contracapa

Carlos Drummond de Andrade e o Editor
José Olympio Pereira no lançamento do
livro na Editora José Olympio (1980).
Créditos: Fotografia retirada do livro:
"José Olympio, o editor e sua Casa".

"Reunião Drummond" - Carlos Drummond de Andrade (1973)

"Reunião Drummond - 10 livros de poesia" foi originalmente editado pela Livraria José Olympio Editora em 1969. Este volume trata-se da 4º edição da obra (1973). O exemplar custodiado em minha coleção foi dedicado por Carlos Drummond de Andrade para "Dan" (Daniel Joaquim Pereira), irmão do editor José Olympio Pereira e responsável pelas relações publicas da Editora. Sabe-se que Daniel era um dos maiores leitores de "novos originais" da José Olympio.




Capa da 4º Edição.




Dedicatória de Carlos Drummond de andrade
para "Dan", que tratava-se de Daniel Joaquim
Pereira, irmão do editor José Olympio Pereira

Folha de rosto.



Contracapa
Carlos Drummond de Andrade e Daniel Joaquim Pereira.






"Os Dias Lindos" - Carlos Drummond de Andrade (1977)

Volume editado pela José Olympio Editora, em 1977, trás uma coletânea de crônicas de Carlos Drummond de Andrade, com seu recorrente personagem João Brandão, em brochura de 145 páginas.

Custodio dois exemplares em minha coleção. O primeiro que ingressou no acervo foi dedicado para Constantino Pedro Koracakis, jornalista e funcionário do Ministério de Educação e Cultura. O segundo exemplar foi dedicado para "Caro Gastão" de forma interessante (política?): "Caro Gastão: Pelo menos no desejo os dias são lindos. Abraço amigo do Drummond."

Trata-se de Gastão de Holanda, um dos criadores do "O Gráfico Amador", que entre diversas edições de extremo bom gosto inovador, editou o livro "Ciclo" (1957) de Drummond. Nos anos 70 Gastão criou a revista literário "José".


Capa da primeira edição.


Detalhe capa.

Dedicatória de Carlos Drummond de Andrade
para Constantino Pedro Koracakis.
Interessante dedicatória de Drummond.

Folha de rosto.


Contracapa