sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Cartão de agradecimento em forma de poesia - Carlos Drummond de Andrade (1979)

Este lindo cartão escrito por Carlos Drummond de Andrade, em Dezembro de 1979, traz um dos versos mais conhecidos de Drummond. Creio que o mesmo foi enviado muitas vezes a amigos, na forma de lembrança de fim de ano, mas nunca havia sido publicada em livro até o lançamento da antologia de versos que tratavam do sentimento de fim de ano, organizada por Pedro e Luis Mauricio Drummond, e editada em 2008 pela Editora Record com o título de "Receita de Ano Novo".

Neste cartão, o poeta abre o agradecimento por um "belo presente" recebido, do "caro Sebastião" e família, com o lindo poema "A Máquina do Tempo":

"Se a máquina do tempo nos tritura,
ao mesmo tempo gera imagens novas.
Renascemos em cada criatura
que nos traz do infinito as boas novas."

Assinam Carlos Drummond e sua esposa Dolores.



Cartão de agradecimento de Drummond e sua esposa Dolores.

Cartão timbrado de Carlos Drummond de Andrade

Poema transcrito por Drummond, 29 anos antes de sua
publicação pela Editora Record em 2008 no livro
"Receita de Ano Novo".

Assinatura de Carlos Drummond de Andrade.

Verso transcrito pelas mãos de Carlos Drummond de Andrade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário